Tag: Empregos no japao

Você Sabia que Ter Boa Conduta é Um dos Requisitos para Conseguir o Visto de Permanência no Japão

 Ter boa conduta também é um dos requisitos para se conseguir o visto de permanência no Japão...

⌈ As pessoas portadoras do status de permanência “Residente de Longo Período” tem sido responsáveis por consideráveis índices de criminalidade, entrando no país como descendentes de japoneses (nikkei) com tal status. Os estrangeiros residentes no Japão tem cometido sérios delitos, causando grande preocupação com a segurança por parte dos cidadãos japoneses e, por este motivo, para as pessoas com ascendência japonesa (nikkei) assim como os membros de sua família que forem fazer trâmites de obtenção deste status de permanência, foi adicionada uma condição: “ter boa conduta”.
* Texto sobre a emenda parcial do Decreto “Residente de Longo Período” (Long Term Resident) do Departamento de Controle de Imigração do Ministério da Justiça, em abril de 2006,  listada no anexo 2 da Lei de Controle de Imigração e Reconhecimento de Refugiados de acordo com o artigo 7, cláusula 1, item 2 da mesma lei.

Decreto “Residente de Longo Período” (Long Term Resident)

(1) As pessoas abaixo que pretendem entrar no Japão com o status de permanência “Residente de Longo Período” precisam ter boa conduta.

  • Descendente de japonês (nikkei)
  • Filho consangüíneo de descendente de japonês, que seja solteiro e menor de idade
  • Cônjuge de descendente de japonês
  • Filho consangüíneo de cônjuge de descendente de japonês, que seja solteiro e menor de idade

(2) Dentre os descendentes de japoneses (nikkei), no caso de japoneses deixados na China e seus familiares que forem entrar no país com status de permanência “Residente de Longo Período”, não é imposta a condição de “ter boa conduta”. Esta medida foi considerada pela necessidade de estimular e facilitar o regresso destas pessoas.

(3) Os descendentes de japoneses (nikkei) e familiares que quiserem entrar no país com o status de permanência “Residente de Longo Período”, precisam apresentar o Atestado de Antecedentes Criminais emitidos por autoridades competentes do seu país de origem.

OBS: O Atestado de Antecedentes Criminais é emitido por autoridades competentes de seu país de origem como os exemplos abaixo:
Brasil: Atestado de Antecedentes Criminais emitido pela Polícia Federal e pela Polícia Civil do estado onde reside.
Peru: Atestado de Antecedentes Criminais emitido pela Polícia Nacional do Peru, Setor de Criminalística, Seção de Identificação Criminalística, Departamento de Expedição de Atestado de Antecedentes Policiais.
Filipinas: Atestado (PNP DI Clearence) emitido pela Polícia Nacional das Filipinas e atestado (NBI Clearence) emitido pelo Departamento Nacional de investigações.

(4) Não será reconhecido que tenha “boa conduta” os casos de atestados que constarem violações das leis de outros países, que não do Japão, através de condenação com prisão com ou sem trabalho forçado, multas ou penalidades equivalentes (exceto delitos equivalentes à infração da lei de trânsito do Japão, seguido de multa ou penalidade). Exceções abaixo relacionadas:

  1. Para casos em que foram ultrapassados 10 anos após o término de consumação da sentença de prisão com ou sem trabalhos forçados ou penalidade equivalente.
  2. Para casos em que foram ultrapassados 10 anos após término da isenção da sentença de prisão com ou sem trabalhos forçados ou penalidade equivalente.
  3. Para casos de suspensão condicional da pena ou medida equivalente após o término de consumação da sentença ou período equivalente, para prisão com ou sem trabalhos forçados ou penalidade equivalente.
  4. Para casos em que foram ultrapassados 5 anos após o término de consumação da sentença, para penalidade substituída por multa ou penalidade equivalente.
  5. Para casos em que foram ultrapassados 5 anos após o término da isenção da sentença, para penalidade substituída por multa ou penalidade equivalente.

(5) Não serão reconhecidos como tendo “boa conduta” as pessoas que já residiram no Japão e que neste período infringiram as leis japonesas, e tiveram condenação de prisão com ou sem trabalhos forçados, multas ou penalidades equivalentes (exceto infração de trânsito seguido de multa ou penalidade).

(6) Não serão reconhecidos como tendo “boa conduta” todos os casos que, mesmo sem antecedentes criminais, estão sob ordem de proteção da lei de menores, assim como continuam cometendo ações que infrinjam a vida cotidiana, ou outros casos especiais que não possam ser considerados como boa conduta.

Condições requeridas de “boa conduta” para solicitação de renovação do status de permanência

(1) Para os descendentes de japoneses (nikkei) e membros de sua família com status de permanência “Residente de Longo Período” que fizerem a solicitação da renovação, e para estrangeiros com status de permanência “Curta Permanência” que requerem a alteração de status para “Residente de Longo Período”, é necessário apresentar o Atestado de Antecedentes Criminais com dados referentes ao período anterior à entrada no Japão, emitido através de seus países de origem (vide observação do item 1 (3) e (4)).

(2) Para os casos de antecedentes criminais referentes ao período de estadia no Japão, basicamente terão o mesmo tratamento do item 1 (5) e (6).

(3) Para as pessoas que saírem do Japão portando a permissão de re-entrada e permanecerem por um longo período no país de origem, será preciso apresentar o Atestado de Antecedentes Criminais emitidos por autoridades competentes de seu país de origem, referente a este período.

*Assim sendo, entendo que a maioria dos nippo brasileiros que se encontram no Japão, são pessoas de bem, uma vez que a lei foi alterada há 10 anos e a maioria continua renovando o visto de permanência e até mesmo se naturalizando, provando assim que, não devem nada à justiça de ambos os países. Então não há motivos para alguns compatriotas com complexo de vira latas continuarem dizendo que os brasileiros no Japão são em sua maioria marginais e por esse motivo está sendo mais difícil tirar o visto no Brasil. Existem outros motivos, políticos e econômicos para isso estar acontecendo...

FONTE:

           

Contrato Direto – Ramo Alimentício – ¥220.000/mês + Benefícios

Empresa localizada na Província de Mie e que atua no setor de alimentos, contrata novos funcionários.

O Sistema de Contrato é Direto com a Empresa, que oferece: ♦ Salário Base Mensal ¥220.000 ♦ Horas x Extras ♦ Escala de Folgas 5 x 2 ♦ Folgas Sábado e Domingos (porém é solicitado disponibilidade para trabalhar em dias de folgas, quando necessário) ♦ Turno de Trabalho das 08:00 ~ 17:00 hs Requisitos: ♦ Ter disponibilidade e boa condição física para o serviço. ♦ Ambiente predominantemente masculino ♦ Nihongo básico para comunicação do dia-a-dia ♦ Preferencia para aqueles que consigam se comunicar em inglês - pois o Lider direto do setor é de nacionalidade americana. A Empresa Oferece: ♦ Estacionamento Gratuito ♦ Caso necessite de apartamento - O responsável da Empresa se dispõe a ajudar na busca de moradia ♦ Ótimo ambiente de Trabalho

Teve interesse pela Vaga - preencha seu pré-cadastro e entraremos em contato

Clique Aqui para Preencher seu Pré-Cadastro

Ou Ligue

Yamamoto (port) - 080-1604-7850

POR QUE A IMIGRAÇÃO JAPONESA PODE NEGAR SEU VISTO DE PERMANÊNCIA NO JAPÃO?


 


POR QUE A IMIGRAÇÃO JAPONESA PODE NEGAR SEU VISTO DE PERMANÊNCIA NO JAPÃO?

Fatores positivos e negativos que são levados em conta pela imigração na hora de ceder o visto de permanência no Japão

I Idéias básicas sobre autorizações especiais de permanência e considerações referentes à decisão de concessão ou negação da autorização Quanto à decisão da concessão ou negação da autorização especial de permanência no Japão, ela é tomada analisando-se cada caso de uma forma geral, levando em conta uma série de circunstâncias como, por exemplo, por que a pessoa deseja permanecer no país, a situação familiar, seu comportamento, circunstâncias domésticas e internacionais e a necessidade de levar em conta os fatores humanitários e o impacto que isto representa para aqueles que residem ilegalmente no Japão. Neste contexto, são levados em conta os pontos indicados a seguir.

Fatores positivos

Com relação aos fatores positivos, além daqueles estipulados nos itens 1 a 3 da Cláusula 1 do Artigo 50 da Lei de Imigração (veja Notas), existem os motivos listados abaixo. 1. Fatores positivos que devem receber consideração especial (1) A pessoa estrangeira em questão é filho de cidadão japonês ou filho de estrangeiro com visto permanente especial . (2) A pessoa estrangeira em questão mantém um filho biológico (filho legítimo ou filho ilegítimo que tenha sido reconhecido por seu pai) com um cidadão japonês ou um estrangeiro com visto permanente especial e se enquadra nas seguintes condições: a. O filho biológico em questão é menor e solteiro. b. A pessoa estrangeira em questão possui, realmente, a guarda do referido filho biológico. c. A pessoa estrangeira em questão tem realmente coabitado e continua coabitando com seu filho biológico no Japão por um período considerável, sustentando-o e educando-o. (3) A pessoa estrangeira em questão é legalmente casada com um cidadão japonês ou um estrangeiro com visto permanente especial (excluindo-se casos de casamento falso ou casamento formal realizado para se esquivar da deportação) e a situação de ambas as partes se enquadram nas seguintes condições. a. O casal tem coabitado por um período considerável, cooperando-se e prestando assistência mutuamente. b. O casal tem filhos, etc., e se trata de um par estável e maduro. (4) A pessoa estrangeira em questão coabita com o filho biológico, que tem vivido no Japão por um período considerável e está matriculado em uma instituição de ensino primário ou secundário no Japão (excluindo-se as instituições de ensino cujos cursos são ministrados na língua materna da criança), mantendo e educando o referido filho biológico. (5) A pessoa estrangeira em questão necessita ser submetida a tratamento no Japão, devido a doença incurável, etc., ou foi reconhecido que a referida pessoa necessita prestar assistência de enfermagem a um familiar que necessita de tratamento, também devido a uma enfermidade incurável, etc. 2. Outros fatores positivos (1) A pessoa estrangeira em questão se apresentou pessoalmente perante as autoridades do escritório de controle de imigração regional para comunicar que reside ilegalmente no Japão. (2) A pessoa estrangeira em questão é casada legalmente com uma pessoa que possui um dos vistos de permanência previstos na Tabela Anexa 2 (veja Notas) e seu caso corresponde aos parágrafos "1. (3) a." e "1. (3) b." acima mencionados. (3) A pessoa estrangeira em questão está sustentando um filho biológico (filho legítimo ou ilegítimo que tenha sido reconhecido por seu pai) que possui um dos vistos de permanência previstos na Tabela Anexa 2, e seu caso corresponde a todos os parágrafos de "1. (2) a." até "1. (2) c." acima mencionados. (4) A pessoa estrangeira em questão é filho biológico solteiro e menor que está sendo sustentado por pessoa que possui visto de permanência que corresponda a algum citado na Tabela Anexa 2. (5) A pessoa estrangeira em questão tem vivido no Japão por um longo período de tempo e se reconhece que está estabelecida neste país. (6) Existem outras circunstâncias especiais que devem ser levadas em consideração, tais como do ponto de vista humanitário.

Fatores negativos

A seguir, indicam-se os fatores negativos. 1. Fatores negativos que devem receber consideração especial (1) O requerente foi condenado penalmente por ter cometido um crime grave, etc. Exemplos: - Foi condenado à prisão por ter cometido um crime hediondo ou grave. - Foi condenado penalmente por contrabando e venda e compra de materiais nocivos à sociedade, tais como drogas ilícitas, armas de fogo, etc. (2) O requerente violou os princípios administrativos do controle de imigração ou cometeu uma transgressão extremamente anti-social. Exemplos: - Foi condenado penalmente por ter cometido delitos de promoção de trabalho ilegal, delitos relacionados à entrada clandestina em grupo, delitos de fornecimento/recepção ilegal de passaportes, etc. - Foi condenado penalmente por delitos relacionados à promoção de estada ilegal e permanência enganosa. - Cometeu prostituição ou fez outras pessoas se prostituírem, etc., ou seja, cometeu atos que disturbam severamente a ordem social do Japão. - Condutas que violaram gravemente os direitos humanos, tais como o tráfico de seres humanos, etc. 2. Outros fatores negativos (1) Entrou no Japão ilegalmente como clandestino em um navio, ou com passaporte ou visto de entrada falsificado. (2) Já foi submetido a procedimentos para a deportação no passado. (3) Foi reconhecido que violou outras leis e determinações penais ou que cometeu atos criminosos similares. (4) Existem outros problemas nas condições de sua permanência. Exemplo: - É membro de uma organização criminosa.

II Decisão de concessão ou negação da autorização especial de permanência

Para tomar a decisão de concessão ou negação da autorização especial de permanência a uma pessoa estrangeira, leva-se em conta cada um dos pontos relacionados aos fatores positivos e negativos acima mencionados e se avalia cada caso em particular, observando até que nível se deve considerar a questão. Caso as considerações sobre os fatores positivos superem claramente as considerações sobre os fatores negativos, serão analisadas as perspectivas de se conceder a autorização especial de permanência. Portanto, o simples fato de que existe um único fator positivo não é motivo para se submeter à análise sob as perspectivas de se conceder a autorização. Da mesma forma, o fato de existir um único fator negativo não é motivo para as autoridades recusarem a analisar a possibilidade de concessão da autorização especial de permanência. A seguir, indicam-se os principais exemplos. Exemplos de análise sobre as "perspectivas de concessão da autorização especial de permanência": - A pessoa estrangeira em questão é filho de um cidadão japonês ou um residente permanente especial e foi reconhecido que não há problemas em especial no seu status de permanência, tais como violações de outras leis e decretos. - A pessoa estrangeira em questão é casada com um cidadão japonês ou um residente permanente especial e foi reconhecido que não há problemas em especial no seu status de permanência, tais como violações de outras leis e decretos. - A pessoa estrangeira em questão tem vivido por um longo período de tempo no Japão e foi reconhecido que não há problemas em especial em seu status de permanência, uma vez que ela não violou outras leis e decretos, etc., além de ter declarado pessoalmente perante as autoridades do escritório de controle de imigração regional que seu caso corresponde a motivo de deportação. - A pessoa estrangeira em questão coabita com seu filho biológico, o qual nasceu no Japão, tem vivido neste país durante pelo menos 10 anos e está matriculado na escola primária ou ginasial, e o sustenta e lhe dá educação, além de ter declarado pessoalmente perante as autoridades do escritório de controle de imigração regional que seu caso é motivo de deportação. Da mesma forma, foi reconhecido que a pessoa estrangeira e o filho não têm problemas em especial no seu status de permanência, uma vez que não violaram outras leis e decretos, etc. Exemplos de análises sobre as "perspectivas de deportação": - Apesar de se reconhecer que a pessoa estrangeira em questão tenha vivido pelo menos por 20 anos no Japão e esteja estabelecida no país, ela tenha violado os princípios administrativos do controle de imigração, ou tenha cometido um crime extremamente anti-social, ou seja, tenha sido condenada penalmente, por exemplo, devido a delitos de promoção de trabalho ilegal, delitos relacionados com entrada clandestina em grupo, delitos de fornecimento/recepção ilegal de passaportes, etc. - Apesar de a pessoa estrangeira em questão ser casada com um cidadão japonês, seu comportamento tenha perturbado significativamente a ordem social do Japão, por exemplo, tendo levado outras pessoas à prostituição, etc. Notas: Lei de Controle de Imigração e Reconhecimento de Refugiados (trecho) (Casos especiais de decisão do Ministro da Justiça) Caso a decisão seja determinada segundo a Cláusula 3 do Artigo anterior, mesmo que o Ministro da Justiça reconheça que a reivindicação foi apresentada sem qualquer motivo, poderá conceder a autorização especial de permanência à pessoa suspeita em questão, cuja situação corresponda a uma das seguintes condições: 1. Quando tiver obtido o visto permanente. 2. Quando tiver possuído no passado, no Japão, um registro de cidadão japonês. 3. Quando residir no Japão sob o controle de outra pessoa devido ao tráfico humano. 4. Quando o Ministro da Justiça reconhecer que há circunstâncias, além das condições anteriores, que justificam a concessão da autorização especial de permanência. Capturar.JPG   FONTE: capturar

Trabalho no Japão – Shimane / Izumo – Início Imediato (4)

Contratamos para Shimane - Izumo

◊ Não Necessita de Nihongo / Ajudamos na Mudança

◊ Veja normas da Empresa


Estando no Brasil

Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em Contato

Clique Aqui


Estando no Japão Ligue

Contato

Free-Dial : 0120-532-811

Whatsapp: +81-90-6806-8597

 

Componentes Eletrônicos

♦ Tipo de Trabalho: Operador de Máquinas ou Inspeção de Peças

Salário - ¥1.250/h até ¥1.400/h

Turno Fixo (diurno ou noturno) ou alternado mensalmente dependendo da unidade.

Folgas conforme calendário da empresa

 3 Horas Extras Diárias


Benefícios:
1. inscrição no seguro social (shakai hoken) 2. folgas remuneradas 3. moradia semi-mobiliada (geladeira, máquina de lavar e fogão) 4. ambiente de trabalho climatizado 5. não é necessário falar a língua japonesa

Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em contato - Clique Aqui

  https://youtu.be/FNrHwjdiFf8

Empregos no Japão – Shimane – izumo

 

Contratamos para Shimane - Izumo

◊ Não Necessita de Nihongo / Ajudamos na Mudança

◊ Veja normas da Empresa


Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em Contato

Clique Aqui


Contato

Free-Dial : 0120-532-811

Whatsapp: +81-90-6806-8597

 

Componentes Eletrônicos

♦ Tipo de Trabalho: Operador de Máquinas ou Inspeção de Peças

Salário - ¥1.250/h até ¥1.400/h

Turno Fixo (diurno ou noturno) ou alternado mensalmente dependendo da unidade.

Folgas conforme calendário da empresa

 3 Horas Extras Diárias


Benefícios:
1. inscrição no seguro social (shakai hoken) 2. folgas remuneradas 3. moradia semi-mobiliada (geladeira, máquina de lavar e fogão) 4. ambiente de trabalho climatizado 5. não é necessário falar a língua japonesa

Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em contato - Clique Aqui

  https://youtu.be/AP_yThqgc8U

Empregos no Japão – Shimane ken

Contratamos para Shimane - Izumo

◊ Não Necessita de Nihongo / Ajudamos na Mudança

◊ Veja normas da Empresa


Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em Contato

Clique Aqui


Contato

Free-Dial : 0120-532-811

Whatsapp: +81-90-6806-8597

 

Componentes Eletrônicos

♦ Tipo de Trabalho: Operador de Máquinas ou Inspeção de Peças

Salário - ¥1.250/h até ¥1.400/h

Turno Fixo (diurno ou noturno) ou alternado mensalmente dependendo da unidade.

Folgas conforme calendário da empresa

 3 Horas Extras Diárias


Benefícios:
1. inscrição no seguro social (shakai hoken) 2. folgas remuneradas 3. moradia semi-mobiliada (geladeira, máquina de lavar e fogão) 4. ambiente de trabalho climatizado 5. não é necessário falar a língua japonesa

Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em contato - Clique Aqui

  https://youtu.be/9bU1vWEZnfc

CONTRATAMOS PARA SHIMANE – IZUMO

Contratamos para Shimane - Izumo

◊ Não Necessita de Nihongo / Ajudamos na Mudança

◊ Veja normas da Empresa


Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em Contato

Clique Aqui


Contato

Free-Dial : 0120-532-811

Whatsapp: +81-90-6806-8597

 

Componentes Eletrônicos

♦ Tipo de Trabalho: Operador de Máquinas ou Inspeção de Peças

Salário - ¥1.250/h até ¥1.400/h

Turno Fixo (diurno ou noturno) ou alternado mensalmente dependendo da unidade.

Folgas conforme calendário da empresa

 3 Horas Extras Diárias


Benefícios:
1. inscrição no seguro social (shakai hoken) 2. folgas remuneradas 3. moradia semi-mobiliada (geladeira, máquina de lavar e fogão) 4. ambiente de trabalho climatizado 5. não é necessário falar a língua japonesa

Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em contato - Clique Aqui

      https://youtu.be/GZLxBjjv930

Processo Seletivo 2019 – Shimane – Izumo

   

Contratamos para Shimane - Izumo

◊ Não Necessita de Nihongo / Ajudamos na Mudança

◊ Veja normas da Empresa


Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em Contato

Clique Aqui


Contato

Free-Dial : 0120-532-811

Whatsapp: +81-90-6806-8597

 

Componentes Eletrônicos

♦ Tipo de Trabalho: Operador de Máquinas ou Inspeção de Peças

Salário - ¥1.250/h até ¥1.400/h

Turno Fixo (diurno ou noturno) ou alternado mensalmente dependendo da unidade.

Folgas conforme calendário da empresa

 3 Horas Extras Diárias


Benefícios:
1. inscrição no seguro social (shakai hoken) 2. folgas remuneradas 3. moradia semi-mobiliada (geladeira, máquina de lavar e fogão) 4. ambiente de trabalho climatizado 5. não é necessário falar a língua japonesa

Preencha seu Pré-Cadastro e Entraremos em contato - Clique Aqui

    https://youtu.be/L9ZhXG5BgH4